Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unichristus.edu.br/jspui/handle/123456789/640
Title: Avaliação do Processo de Ensino-Aprendizagem e a Percepção de Docentes e Discentes na Clínica Médica através do Instrumento Mini-Cex em um Hospital em Fortaleza/CE
Authors: MARINHO, Mayra Costa Baltazar
metadata.dc.contributor.advisor: AUGUSTO , Kristopherson Lustosa
Issue Date: 2018
Citation: MARINHO, Mayra Costa Baltazar. Avaliação do Processo de Ensino-Aprendizagem e a Percepção de Docentes e Discentes na Clínica Médica através do Instrumento Mini-Cex em um Hospital em Fortaleza/CE. 2018.Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino em Saúde) - Centro Universitário Christus, Fortaleza, 2018.
SALES, Ivna Cavalcante Barros. Registro Clínico Baseado em Problemas como Ferramenta de Aprendizagem do Médico na Residência de Clínica Médica. 2018.Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino em Saúde) - Centro Universitário Christus, Fortaleza, 2018.
Abstract: Introdução: O Mini-Cex (“mini-clinical examinationexercise”) é um método de avaliação e informação que abrange os domínios: anamnese, exame físico, aconselhamento, julgamento clínico, organização/eficiência e profissionalismo. O internato de clínica médica é um momento de aprendizagem e informação em cenário de prática, no entanto, muitas vezes, o aluno pode não ser visto diretamente exercendo suas habilidades a serem desenvolvidas na matriz de competências, como a coleta de anamnese. Objetivo: Avaliar o Processo de Ensino-Aprendizagem e a Percepção de Docentes e Discentes na Clínica Médica através do Instrumento Mini-Cex em um Hospital em Fortaleza/CE. Material e Métodos: Estudo qualitativo realizado no Hospital Geral Waldemar de Alcântara, no período de fevereiro a julho de 2017. Participaram do estudo 20 internos, 13 residentes e 5 preceptores de Clínica Médica. Resultados: Durante a aplicação do grupo focal, observamos, nas informações dos internos, uma inquietação quanto à avaliação através do instrumento Mini-Cex, visto que relataram sentirem-se pressionados com a presença do preceptor durante a avaliação à beira do leito, e que o feedback era curto para proporcionar ganho de aprendizagem. No grupo focal, os residentes apontaram que é válida a avaliação, pois levou-os a revisarem alguns pontos da literatura médica; e que a inclusão do tempo de feedback proporciona uma maior aproximação do preceptor com o residente, mas necessita de padronização do tempo de aplicação. Para os preceptores, a principal dificuldade é com a gestão de tempo em cenário de prática, mas consideram um método eficaz para avaliação do residente e do interno. Conclusão: No grupo de internos, foram relatadas dificuldades, como o tempo para aplicação da técnica de Mini-Cex e inabilidade de feedback estruturado e efetivo por meio dos preceptores. Nas falas dos residentes, há uma aceitação na avaliação com o Mini-Cex, entretanto necessita de ajustes para que o tempo proporcione um ganho de aprendizagem efetivo. Ressalta-se a importância de treinamento em devolutiva dos preceptores em cenário de prática, bem como uma maior horizontalidade na relação professor/aluno.
Description: Introduction: The mini-clinical examination exercise is a method of assessment and information that covers the following areas: anamnesis, physical examination, counseling, clinical judgment, organization / efficiency and professionalism. The medical internship is a time of learning and information in practice scenario, however, often the student may not be seen directly exercising their skills to be developed in the matrix of competencies, such as the collection of anamnesis. Material and Methods: A qualitative study was performed at Waldemar de Alcantara General Hospital, from February to July 2017, after approval by the Research Ethics Committee of the Centro Universitario Christus, Nº 1.881.091/2016. Results: During the application of the focal group we observed in the inmates' information a concern about the evaluation through the mini-cex instrument, since they reported feeling pressured by the presence of the preceptor during the assessment at the bedside, and that feedback was short for providing a learning gain. In the focus group, the residents refer that the evaluation is valid because it led them to review some points in the medical literature and that the inclusion of the feedback time provides a greater approximation of the preceptor with the resident, but requires a standardization of the time of application. For preceptors the main difficulty is with time management in a practice scenario, but they consider an effective method for evaluating the resident and the intern. Conclusion: In this group of interns it was reported difficulties, such as the time for application of the mini-cex technique and the inability of structured and effective feedback through the preceptors. In the residents' speech there is an acceptance in the evaluation with the Mini-Cex, however, for the group needs adjustments in the semester schedule so that the time provides an effective learning gain. It is important to emphasize the importance of training in the return of preceptors in a practice scenario, as well as a greater horizontality in the teacher / student relationship.
Keywords: Feedback
Educação em Saúde
Avaliação em Saúde
Internato e Residência
URI: http://repositorio.unichristus.edu.br/jspui/handle/123456789/640
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Ensino em Saúde - Dissertações Defendidas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MAYRA COSTA BALTAZAR MARINHO.pdf550,22 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.