Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unichristus.edu.br/jspui/handle/123456789/1064
Title: Análise do desempenho da camada porosa de atrito por meio dos ensaios da mancha de areia e permeabilidade.
Authors: GURJÃO, Nayara de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor: ALMEIDA, Lucas Cavalcante de
Issue Date: 2020
Citation: GURJÃO, Nayara de Oliveira. Análise do desempenho da camada porosa de atrito por meio dos ensaios da mancha de areia e permeabilidade. 2020. Monografia (Graduação em Engenharia Civil) – Centro Universitário Unichristus. Fortaleza, 2020.
Abstract: As estruturas de pavimentação são construídas a partir de diversos estudos relacionando sociedade, economia, bem-estar, funcionalidade e segurança, objetivando evitar problemas, como acidentes de trânsito devido à falha de execução ou de planejamento, uso de materiais que não pertencem às especificações dependendo do tipo de estrutura e falta de dispositivos de drenagem. A Camada Porosa de Atrito (CPA) foi desenvolvida, para melhorar a serventia do pavimento de forma econômica e funcional, de modo a auxiliar na drenagem superficial e influenciando-o na segurança viária. A principal característica da CPA é a macrotextura, um dos parâmetros responsáveis pela drenabilidade e consequente aumento da aderência entre pneu e pavimento. Foram realizados o ensaio de Mancha de Areia e o ensaio de Permeabilidade em pavimentos flexíveis em serviço localizadas na cidade de Fortaleza - CE, que apresentam a CPA com diferentes idades. Dessa forma, este trabalho tem o objetivo de comparar os resultados entre os dois ensaios nas avenidas e caracterizar a textura do revestimento em relação à macrotextura e à drenagem superficial. Com os resultados foi possível perceber a eficiência do revestimento quanto à textura para uma CPA. As médias da profundidade da mancha de areia das avenidas estudadas, classificam a textura dos revestimentos entre muito aberta e aberta e, aquela com revestimento mais antigo e textura mais desgastada e obstruída por impurezas, apresenta um maior tempo de escoamento superficial. Além disso, apesar da inviabilidade de correlacionar os valores médios de profundidade de areia obtidos pela mancha de areia com àqueles obtidos através do drenômetro, devido à inadequação dos ensaios para uma superfície porosa, o ensaio de Permeabilidade realizado em uma via recém executada pode vir a fornecer um valor de capacidade drenante para um revestimento poroso.
Keywords: Macrotextura.
Camada Porosa de Atrito.
Mancha de Areia.
Drenabilidade.
Pavimentos urbanos.
URI: https://repositorio.unichristus.edu.br/jspui/handle/123456789/1064
Appears in Collections:Engenharia Civil - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NAYARA DE OLIVEIRA GURJÃO.pdf7.63 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.