Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unichristus.edu.br/jspui/handle/123456789/983
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCASTELO, Lise Alcântara-
dc.contributor.authorADRIANO, Lucas Portela-
dc.date.accessioned2020-02-27T16:59:42Z-
dc.date.available2020-02-27T16:59:42Z-
dc.date.issued2019-12-03-
dc.identifier.urihttps://repositorio.unichristus.edu.br/jspui/handle/123456789/983-
dc.description.abstractA produção da cerveja não é um negócio novo. Evidências indicam que sua prática se originou na região da Mesopotâmia onde a cevada crescia rapidamente. Os primeiros registros de sua fabricação têm aproximadamente 6 mil anos e remetem aos Sumérios, povo mesopotâmico. Entretanto, sua produção artesanal é um negócio que vem sendo praticado em várias cidades e capitais do Mundo. No Brasil o efeito não é diferente, muito embora na Região Sul e Sudeste iniciaram há mais tempo que nas demais regiões. O entusiasmo pelo tema foi responsável pelo presente estudo, que relata sobre três empreendimentos de cervejarias artesanais na cidade de Fortaleza, Ceará. Visando êxito, elegeu-se como objetivo geral descrever os desafios enfrentados por três empreendedores de cervejas artesanais de Fortaleza; e como específicos: Realizar um estudo no mercado local de cervejas artesanais; Verificar quais as variáveis que mais interferem no consumo do produto; e, Destacar como os empreendedores pesquisados buscam um aumento significativo no market share de cervejarias artesanais. A pesquisa foi de natureza qualitativa, com tipologia bibliográfica, estudo de casos, descritiva e exploratória. O instrumento de pesquisa utilizado foi o questionário que procurou obter os dados demográficos e dados específicos das empresas, até se chegar aos resultados. Ao final pode-se compreender que estão no negocio há menos de um ano, considerados microempreendedores por oportunidade que já estão fabricando mais de dez rótulos de cervejas artesanais.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectEmpreendedorismo. Cervejas artesanais. Mestre cervejeiros.pt_BR
dc.titleEMPREENDEDORISMO: UM ESTUDO SOBRE TRÊS CERVEJARIAS ARTESANAIS EM FORTALEZA-CEpt_BR
dc.typeTCCpt_BR
dc.title.inglesENTREPRENEURSHIP: A STUDY ON THREE HANDICRAFT BREWERS IN FORTALEZA-CEpt_BR
dc.description.resumo_abstractBeer production isn’t a new business, evidence indicates that its practice originated in the Mesopotamian region where barley grew rapidly. The earliest records of its manufacture are approximately 6.000 years old and refer to the Sumerian Mesopotamian people. However, its craft production is a business that has been practiced in many cities and capitals of the world. In Brazil the effect isn’t different, although in the South and Southeast they started longer than in the other regions. The enthusiasm for the theme was responsible for the present study, which reports on three craft brewery enterprises in the city of Fortaleza, Ceará. Aiming at success, the general objective was to describe the challenges faced by the three craft beer entrepreneurs in Fortaleza; and as specific: Conduct a brief study in the local craft beer market; Check which variables most affect the consumption of the product; and, Highlight how entrepreneurs surveyed are looking for a significant increase in the Craft Brewery Market Share. The research was qualitative, with bibliographic typology, case study, descriptive and exploratory. The research instrument used was the questionnaire that sought to obtain demographic data and data specific to the enterprise, until reaching the results.pt_BR
Appears in Collections:Administração (Presencial) - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC OK.pdf1.12 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.